Posts

Showing posts from May 10, 2009

Guerra às Drogas - duas notícias e uma pontinha de esperança que foi por água abaixo

Hoje pela manhã li uma notícia que me deixou feliz, com uma pontinha de esperança de que essa tal "guerra às drogas" pudesse acabar. Mas há poucos minutos resolvi rever as notícias e a pontinha de esperança se foi.

Duas notícias: em uma um governante de alto escalão pede o fim da Guerra às Drogas e na outra um coro de senadores pede o aumento das penas para traficantes de crack, que pode chegar ao dobro do que já é. Uma notícia fala dos EUA e a outra do Brasil.

Qual delas será a do Brasil?

É mesmo incrível. Enquanto um país tenta progredir e finalmente dar ouvidos às estatísticas da guerra às drogas, e começa a pensar em alternativas para a pena de prisão, que só ajuda a superlotar ainda mais as prisões, um outro continua insistindo que a solução para os problemas relacionados ao crack está no aumento da pena para quem for pego vendendo crack.

Descubram que é quem!

http://www.senado.gov.br/agencia/verNoticia.aspx?codNoticia=91053

http://online.wsj.com/article/SB124225891527617397.…

CND2009 - Evo Morales Mascando Coca na ONU

Image
Mais um excelente vídeo da Hungarian Civil Liberties Union (HCLU) sobre a reunião de alto nível da Comissão de Drogas Narcóticas da ONU (CND), em março de 2009.

Neste discurso, Evo Morales, presidente da Bolívia, ressalta que a folha de coca não é cocaína. Pede a sua retirada da lista classificatória da ONU e exige o respeito ao uso e ao cultivo nos países andinos.






O discurso e as propostas de Evo Morales foram admirados pelos presentes e também criticados por ativistas do movimento pró-reforma, como os integrantes da HCLU.

A principal crítica foi ao individualismo demonstrado por Evo Morales, em não se envolver na discussão de propostas mais profundas de reforma das convenções da ONU, como a descriminalização do uso de outras drogas e o fim da militarização no combate à produção de drogas em outros países.


Em debate realizado no mesmo dia, promovido pelo IDPC, Morales não se mostrou solidário aos movimentos liderados por produtores de cannabis e ópio, dizendo apenas que não conhecia esta…

Is anyone really winning this war?

Image
I chose this picture, to show that nobody is really winning the war on drugs.

People like Mark Renton in Trainspotting continues to struggle with their addiction, the police and bad quality drugs on the streets, despite of the efforts of SOCA to win the war on drugs.


We're winning the war against the cocaine industry, police declareOfficers say increase in seizures has forced up price of the drug By Mark Hughes, Crime Correspondent
Wednesday, 13 May 200

The Independent


Figures compiled by the Serious Organised Crime Agency (Soca) and the Forensic Science Service, show that the average purity levels of cocaine seized by the police has dropped from 33 per cent, in 2007-08 to 26 per cent in 2008-09 and that a third of seizures now consist of as little as 9 per cent cocaine

Martin Barnes, the chief executive of Drugscope, said: "To suggest the world cocaine market is 'in retreat' is probably premature. The street price and purity of cocaine have been falling for some time …

Você sabe como está atuando o novo Comitê de Combate ao Crack e à Prostituição Infantil no Rio?

Caros colegas,

vejam esta notícia sobre uma das decisões do Comitê de Combate ao Crack e à Prostituição Infantil, criado pelo governo municipal do Rio de Janeiro. Isto está me cheirando a violação de direitos e abuso, em nome do tratamento da dependência de drogas.

Força-tarefa tenta evitar que viciados em crise deixem abrigos
Jornal do Brasil

Como estas crianças e adolescentes estão sendo "tratadas" nesses abrigos? Há algum acompanhamento médico ou psicológico para realmente tratá-los, durante esse "período de abstinência", quando vão ficar "presos"? Que tipo de tratamento será este?

Não sei como estes abrigos estão funcionando agora, mas até 2007, quando eu trabalhava para a Secretaria Municipal de Saúde do Rio, não havia atendimento sistemático de saúde dentro dos abrigos.

A Secretaria de Assistência Social (SMAS), que coordena os abrigos da cidade, não tinha uma boa relação com a rede de CAPS-AD. Os poucos CAPS-AD que atendiam menores, não conseguiam da…

Prof Edward MacRae da UFBA fala sobre a lei de drogas no Brasil

Em entrevista publicada no Blog Observatório da Cannabis, em 23 de abril o Prof da Universidade Federal da Bahia e Doutor em Antropologia Social, Edward MacRae, fala de temas relacionados à proibição das drogas no Brasil e critica a lei atual.

"Sobre a lei atual, considero muito bem vinda, já que faz uma distinção entre usuários e traficantes. Mas, por outro lado, essa também é uma forma de separar membros da classe média, reconhecidos como os usuários, mais capazes de fazer protestos, reivindicar os seus direitos, que seriam muito mais difíceis de criminalizar atualmente, daqueles que seriam os supostos traficantes, oriundos da camadas mais pobres da população, das periferias, sem muitas opções de inserção social, e que por isso se engajariam no tráfico."
"Hoje em dia, temos uma sociedade capitalista, neoliberal, extremamente excludente, que expulsa cada vez mais pessoas do sistema, que têm que viver à margem e que são vistas como uma ameaça pela sociedade. Então, nessa …

"A Mesma Lei Deve Servir a Todas as Drogas" - Jornal do Brasil - Caderno Cidade

Caros amigos,

O caderno CIDADE do Jornal do Brasil de sábado, 09 de maio, dedicou 2 páginas ao assunto drogas. A reportagem “Rio Libera Debate sobre a Maconha” trás as opiniões de Renato Cinco sobre a Marcha da Maconha no Rio e a da Comissão Municipal de Prevenção às Drogas da Câmara de Vereadores que também promoveu uma marcha contra as drogas no mesmo dia, no Leblon. E ainda a opinião de outros especialistas como a de Luciana Boiteux, professora-adjunta de direito penal da UFRJ.
“Poeta ataca maconha, que para ator governador não é droga”, mostra as opiniões do poeta Ferreira Gullar, que acredita que os custos da saúde pública vão dobrar se a maconha for legalizada. E as opiniões do governador da Califórnia Arnold Schwarzenegger, que disse que maconha não é droga. Uma imensa foto da maconha apreendida, em mais uma operação de guerra às drogas no Rio, ilustra a notícia “1,5 tonelada da droga é apreendida na Mangueira”. E ainda trás a declaração do Chefe da Polícia Civil, Allan Turnowski:…

Volta ao mundo em 6 Marchas da Maconha

Image
Na Bélgica a Marcha da Maconha foi promovida pelo grupo Trekt Uw Plant e ENCOD no sábado dia 9 de maio na Antuérpia.

Com a participação de cerca de 50 pessoas, o evento contou com performances de música, poesia e discursos políticos. E mesmo com alguns fumando maconha em praça pública, os policiais só ficaram em volta, olhando, sem sair de dentro do carro.

Durante o evento, 15 pessoas se tornaram novos membros do Cannabis Social Club - Trekt Uw Pant e serão felizes proprietários de uma planta de canabis até novembro deste ano.

O grupo organizador considerou o evento um sucesso apesar do pequeno número de presentes.

Na Áustria, a marcha aconteceu em Viena, com cerca de 400 participantes (segundo a polícia e 1500 segundo os organizadores), também no sábado, dia 9.

Os participantes foram conduzidos por 5 carros de som até o parlamento da cidade onde apertaram um baseado de 1,5 metros, "um recorde mundial", comentou um ativista.




Em Praga (República Tcheca), cerca de 2000 pessoas, em s…

OEA diz que proibição da Marcha da Maconha vai contra Convenção Internacional.

Na publicação da Agência Estado de 08 de maio, o relatório da divisão especial para Liberdade de Expressão, diz que a proibição da Marcha da Maconha vai contra a Convenção Internacional da Organização dos Estados Americanos, ferindo o direito a manifestações pacíficas.


SÃO PAULO - Relatório da divisão especial para Liberdade de Expressão da Organização dos Estados Americanos (OEA), apresentado ontem em Washington, nos Estados Unidos, faz críticas ao ordenamento jurídico brasileiro. Redigido anualmente, o documento adverte de que, apesar da derrocada da Lei de Imprensa, o Brasil não oferece segurança suficiente para que cidadãos informem sobre assuntos de interesse público sem medo de serem presos, perder seus patrimônios ou sofrer agressões.

Compilado pela juíza colombiana Catalina Botero Marino, o documento tem como base denúncias apresentadas por entidades brasileiras e internacionais que monitoram o direito à informação, como Repórteres Sem Fronteiras, Artigo 19 e Associação Brasilei…